Como controlar os latidos excessivos

Anúncios

É completamente natural que os cães latam e é uma das formas mais importantes de comunicação depois da energia e da linguagem corporal. Os cães latirão como um aviso, para proteger sua matilha e território. Eles também latirão para expressar entusiasmo.

Essas formas de latido raramente são um incômodo e não duram muito. É por isso que latidos incômodos quase sempre têm a mesma causa e a mesma solução. Quando um cachorro late excessivamente, ele está dizendo que está entediado e está procurando um estímulo ou um desafio.

Liderança de matilha

Inevitavelmente, latidos excessivos indicam que há um problema com o humano, e não com o cachorro! Há algo desequilibrado na matilha, então as necessidades do cão não estão sendo atendidas. O latido é a única maneira do cão lhe dizer que algo está errado.

Um cachorro latindo precisa de exercício, disciplina e em seguida carinho, nessa ordem. O Exercício e a Disciplina proporcionam o estímulo físico e psicológico que o seu cão anseia. Afeto é importante mas apenas quando seu cão está em um estado calmo e submisso, isso reforçará o comportamento que você deseja, sem recompensar o comportamento que não deseja.

Controlando a Excitação

Tenho certeza que você já viu isso inúmeras vezes, alguém com um cachorro pequeno e animado que não para de latir, que então pega o cachorro no colo para tentar pará-lo. Infelizmente, essa é exatamente a abordagem errada. A atenção e o carinho de ser pego no colo dizem ao cachorro: “Gosto do que você está fazendo agora.”

Este é um reforço positivo não intencional, e leva apenas algumas vezes para treinar um cão que seu latido é algo que você deseja. Mas isso não acontece apenas no cenário acima. Quantos de vocês chegam em casa para serem saudados pelos pulos, giros e latidos animados de seu cachorro? E quantos de vocês imediatamente dão carinho em troca do que interpretam como felicidade?

Esta é uma das coisas mais difíceis de entender para os amantes de cães. Quando um cão retorna à sua matilha, ele não é saudado com latidos e pulos animados. Às vezes, haverá cheiradas e abano de rabo, mas na maioria das vezes não é grande coisa quando um cão volta para a matilha. Infelizmente, nós, humanos, tendemos a dar muita importância a ir e vir de casa, e isso coloca seu cão no estado de espírito errado.

Se você cumprimentá-lo com entusiasmo, ele espera que seu retorno seja um momento de entusiasmo. Isso significa que, enquanto ele espera que você volte, ele vai antecipar essa empolgação e ficar frustrado e entediado. Agora, se você também fizer uma grande festa antes de ir, você também deixará seu cachorro animado. Esta é a fórmula perfeita para criar um problema de latidos excessivos.

Exercício e Disciplina

A solução é mais simples do que as pessoas pensam. Ele começa fornecendo ao seu cão bastante exercício durante a caminhada, junto com disciplina, dando-lhe tarefas a fazer e comandos a aprender. Mas, o mais importante, requer que você não recompense o comportamento indesejado, especialmente a excitação, com afeto.

Não se preocupe. Seu cachorro não pensará que você é mau se não estiver acariciando-o ou distribuindo guloseimas 24 horas por dia, 7 dias por semana. Seu cachorro quer ganhar seu carinho. Permitir que ela faça isso e veja a sua felicidade é, para o seu cão, a maior recompensa de todas.

Você já conhece o Guia do shih tzu? Nele você aprenderá como funciona a mente do seu cachorro e aprenderá a evitar problemas como latidos em excesso, ansiedade por separação, educação sanitária (xixi e cocô fora do lugar), evitar e corrigir a coprofagia (ato de comer fezes) e muito mais!!

Veja abaixo como o Guia do Shih Tzu pode te ajudar a ter um Shih Tzu mais educado, saudável e feliz!

Não esqueça de seguir as nossas redes sociais abaixo ou se cadastrar no blog para receber mais dicas!

Anúncios

Deixe uma resposta