Alergias e dermatites no Shih Tzu

Anúncios

O Shih-tzu é um cão com grande tendência a desenvolver alergias e sofrer de dermatites. Esses cães podem desenvolver alergias tanto de pele quanto respiratórias ou alimentares. 

As alergias mais comuns nos cães dessa raça, são as que causam problemas de pele ou dermatites. Os sintomas são bem claros, pois o cão começa a se coçar bastante em uma ou mais áreas do corpo, podendo desenvolver feridas bem “feias”.

Quando o cachorro começa a se coçar muito, mesmo estando sempre limpo e  protegido contra pulgas e carrapatos, devemos levá-lo ao veterinário para que o doutor possa fazer um exame no cão e diagnosticar o problema.

As dermatites podem ser causadas pelos mais variados motivos. Algumas substâncias comuns em nossa casa podem causar reações alérgicas no seu amiguinho, entre as quais temos os produtos de limpeza e materiais sintéticos com os quais tenha contato direto o cachorro, como por exemplo carpetes e cobertores. Outras causas podem ser: fumaça de cigarro, perfume, pólen, mofo, remédios, picadura de uma pulga. Lambeduras frequentes também podem desenvolver alergias.

Desta maneira, devemos ficar alertas quando o problema começar, para que assim possamos identificar com rapidez a causa ou as causas que estejam contribuindo para o surgimento das dermatites.

As dermatites causam “rachaduras” e vermelhidão na pele, podem ser apenas um indicio de um processo alérgico, mas o mais importante é ver se o cão não apresenta outros sintomas como: vômitos, perda de peso, diarreia, entre outros…

Podemos evitar as dermatites secando bem o Shih-tzu depois do banho, usando toalhas secas e com um secador de cabelos elétrico. Mantendo a casa limpa, usando produtos de limpeza que não cause alergia. Eles também podem desenvolver alergias pela alimentação, por isso verifique a ração que você está comprando para ele, pois muitas rações contém ingredientes que são alérgicos para cachorros como o milho e a soja por exemplo, mas esses são apenas dois dos muitos ingredientes que fazem mal ao seu cão. Um simples detalhe que pode evitar que o seu cachorro sofra de alergias. Já vi donos que fizeram de tudo para resolver a alergia do cachorro, tanto exames, como troca de shampoo, produtos de limpeza e nada funcionou, até que trocaram a alimentação do seu cachorrinho, tanto por uma ração que não tenha ingredientes que sejam alérgicos para cachorros em sua fórmula ou até mesmo que trocaram para uma alimentação natural e assim o cachorrinho melhorou e não teve mais alergias!!.

Outro tipo de alergia é a alimentar.

Como saber se seu 🐶 tem alergia alimentar? A Jahmila tinha hipersensibilidade alimentar a ração, que é diferente da alergia alimentar (a hipersensibilidade alimentar é a mais frequente em cães e muito confundida com alergia alimentar)

Na hipersensibilidade ocorrem reações tardias que podem se manifestar em até vários dias após a ingestão do alimento, o que dificulta saber qual foi a comida que a provocou.

Aparece coceira localizada entre os dedos, na virilha, ao redor dos olhos e/o boca, mas também há casos de coceira generalizada e geralmente a hipersensibilidade alimentar não responde a corticoides.

Já a alergia alimentar verdadeira não deixa dúvidas: Assim que o seu 🐶 ingere o alimento ao qual é alérgico, apresenta inchaço na cara ou urticária.

Na época em que a Jahmila apresentou hipersensibilidade, ela só comia ração, logo quando li rótulo da ração soube que certos ingredientes eram os que estavam ocasionado esse problema, o que me fez decidir mudar para AN e só assim as alergias acabaram.

Há exames de sangue e saliva que ajudam a esclarecer a quais alimentos o seu 🐶 é sensível, mas estudos indicam que são menos confiáveis que a “dieta de eliminação”, por isso sempre consulte o seu veterinário ok?

Os alimentos considerados mais reativos para os 🐶 alérgicos são: frango, carne bovina, trigo, milho, soja, arroz, cenoura, lácteos. Mas se o seu 🐶 não é alérgico então não precisa evitar, já que não são os alimentos que fazem surgir o quadro alérgico, e sim o organismo que reage adversamente a um ou mais alimentos ingeridos rotineiramente.

Se o seu 🐶 tem uma dieta de comida empacotada e você deseja mudar para uma Alimentação natural e não sabe como, o meu e-book introdução a alimentação natural e 25 receitas para cães vai te ajudar nesse processo! Saiba mais clicando no botão abaixo:

Espero ter te ajudado com esta matéria e que assim você possa prevenir e identificar os diferentes fatores que fazem com que os cachorrinhos tenham alergias. E lembre-se além da coceira qualquer outro sintoma ou expansão da alergia você dever ir com urgência ao veterinário! 

 Nos vemos na próxima matéria.

Anúncios

Não esqueça de seguir o blog para ficar por dentro de todas as dicas

Deixe uma resposta